18 anos de compostagem até a Humi

Em 1999 iniciamos a prática da compostagem doméstica na Morada da Floresta. Durante 8 anos os nossos resíduos orgânicos foram compostados em baias e tonéis de 200 litros que ficavam no fundo do quintal.

Em 2007, adquirimos algumas matrizes de minhocas vermelhas californianas e iniciamos os primeiros experimentos com a vermicompostagem (compostagem com minhocas) em caixas de madeira de feira forradas com saco plástico.

A cada 2 meses, duplicávamos a quantidade de caixas para potencializar a reprodutividade das minhocas. Quando não havia mais espaço para as caixas de madeiras, verticalizamos o sistema em caixas plásticas industriais empilhadas.

Após os primeiros meses de compostagem com as minhocas, ficamos muito impressionados com a eficiência da vermicompostagem em caixas. As minhocas realizam a compostagem em menos tempo, produzem um adubo de melhor qualidade, e as caixas de plástico ainda proporcionam a vantagem da coleta do composto líquido para a rega das plantas.

Desde então nunca mais nos separamos das minhocas…. e apenas após 2 anos, em 2009, abrimos a empresa e iniciamos a produção e venda dos minhocários da Morada da Floresta.

Naquela época, o interesse da sociedade no assunto era quase que inexistente. Mesmo assim, impulsionados pela certeza de que tínhamos um importante papel a cumprir, iniciamos o nosso trabalho de formiguinha para semear a prática da compostagem doméstica no Brasil.

Em 2011, iniciamos a jornada para mostrar ao poder público os diversos benefícios da compostagem doméstica. Um marco nessa caminhada, foi o Seminário Compostagem na Cidade de São Paulo que organizamos na Câmara Municipal de São Paulo em agosto de 2012. Muitas das sugestões propostas pela organização do seminário foram incorporadas no PGIRS do município de São Paulo, mas ainda há muito o que ser feito.

Em 2013, fomos convidados pela Prefeitura de São Paulo para realizar um projeto piloto para estimular a prática da compostagem doméstica, realizar pesquisas com os participantes do projeto para analisar a viabilidade da compostagem doméstica em larga escala e lavantar informações para auxiliar na elaboração de uma política pública de apoio e estímulo à prática da compostagem doméstica.

Diante essa tarefa, idealizamos o projeto Composta São Paulo, realizado em 2014, pelo qual entregamos composteiras domésticas com minhocas (em caixas industriais) para 2.000 famílias da cidade de São Paulo. Além das famílias contempladas, o projeto impulsionou com que milhares de outras famílias iniciassem a prática da compostagem; e colocou em pauta, tanto na mídia como na gestão pública, o potencial econômico, social, ambiental e educacional da compostagem doméstica.

Pelo sucesso inquestionável do projeto (98% de satisfação entre os participantes), todas as conversas com a prefeitura indicavam que o Composta São Paulo seria renovado e ampliado. Para essa segunda etapa, fomos solicitados a realizar um projeto 4 vezes maior que o projeto-piloto.

Conhecendo os desafios da produção artesanal e os limites técnicos, operacionais, estéticos, produtivos e de logística dos minhocários confecionados em caixas industiais, me propuz a projetar um minhocário que resolva todos os limites dos minhocários adaptados. Após 6 meses de desenvolvimento, finalizamos o projeto 3D da Humi em dezembro de 2015.

Mesmo com descontinuidade do Composta São Paulo, seguimos dedicados para viabilizar a confecção dos moldes para oferecermos o que há de melhor em compostagem com minhocas e facilitar ainda mais a prática e a adesão à compostagem doméstica no Brasil e em outros países.

 

A Humi surge para romper as barreiras e preconceitos que ainda separam a maioria das pessoas da prática da compostagem doméstica. A riqueza de detalhes e os diferenciais da Humi sintetizam o cuidado e o carinho que temos com as minhocas, com as pessoas e com o meio ambiente.

Sabemos que a prática da compostagem doméstica em larga escala proporcionará uma verdadeira revolução ambiental e educacional em nosso país. Sabemos também que a compostagem doméstica possui grande potencial para ajudar a alcançarmos alguns dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU (ODS).

Gostaríamos de te convidar para fazer parte dessa história!

Se você ainda não composta seus resíduos orgânicos, vale a pena conhecer a Humi!

Se você já pratica compostagem, que tal dar um upgrade com a Humi?
A composteira atual pode ir para o sítio, ou mesmo ser doada para um amigo, parente ou alguém que trabalha na sua casa ou empresa.

Por fim, a Humi também foi criada para facilitar a realização de parcerias e projetos com empresas, condomínios, escolas e municípios. Se você possui alguma conexão que pode ajudar a impulsionar nossas ações, por favor entre em contato.

 

Deixe seu comentário